Quando pensamos em emagrecer, automaticamente vem à cabeça a necessidade de começar a fazer exercícios físicos. Mas muitas vezes não há tempo ou então não há “pique” para fazê-los e acabamos nos desanimando, achando que nunca conseguiremos emagrecer.

Quanto a isso nós temos uma boa notícia para você: emagrecer depende muito mais da alimentação do que do exercício físico.

É claro que os exercícios físicos são importantes, no entanto não devemos deixar de emagrecer ou deixar de cuidar da nossa saúde quando há a ausência dos exercícios em nosso dia a dia.

O emagrecimento em si é importante pois ele proporciona diversos benefícios para a saúde além do estético, e isso é por ele estar relacionado a melhores hábitos de alimentação.

Índice de conteúdo:

Benefícios do emagrecimento para a saúde

Você deve entender que para conseguir emagrecer sem exercícios, a primeira coisa que você terá que fazer é se alimentar de forma mais saudável.

Uma alimentação equilibrada proporciona diversos benefícios para a saúde, tais como:

  • Diminuir riscos de diabetes;
  • Diminuir riscos de AVC;
  • Abaixar os níveis de triglicérides no sangue;
  • Diminuir riscos de doenças cardiovasculares.

 

O emagrecimento e a autoestima

Além disso, emagrecer pode melhorar significamente tanto nossa disposição quanto a nossa autoestima.

Para quem não sabe, uma alimentação fraca em nutrientes também influencia nosso estado de humor, nos deixando pra baixo, estressados e deprimidos.

Combata o estresse a depressão e a ansiedade através dos alimentos

Sabendo de todos esses benefícios, veja agora os segredos para você emagrecer sem exercício físico:

Como emagrecer sem exercício físico

 

1. Acelere o metabolismo

Quando aceleramos o metabolismo, nosso corpo absorve melhor os nutrientes e ainda acabamos queimando mais gordura!

E existem algumas formas de acelerar o metabolismo:

  • Comer de 3 em 3 horas – Se precisar, coloque o celular pra te ajudar a lembrar que tem que comer;
  • Incluir na refeição alimentos que acelerem o metabolismo: cereais integrais, temperos como gengibre e pimenta, limão, alimentos ricos em ômega 3, brócolis.

 

2. Faça as escolhas certas

Você não precisa entrar em uma dieta louca para conseguir emagrecer.

A realidade é que estas dietas extremas fazem com que as pessoas percam muito peso em pouco tempo, mas logo quando voltam a comer normalmente elas acabam recuperando todo o peso perdido. Quando isso acontece elas se sentem frustradas, e acabam repetindo todo o processo, retomando a dieta.

Essa atitude causa o famoso efeito sanfona, onde a pessoa vive emagrecendo e engordando continuamente, algo simplesmente terrível para o corpo.

Então ao invés de se restringir mais, apenas faça melhores escolhas:

  • Acrescente mais verduras e vegetais nas refeições;
  • Coma quantidades menores de carboidratos;
  • Diminua o açúcar, consumindo apenas frutas, que vão matar a vontade do doce e ainda lhe trarão benefícios;
  • Leve em consideração aquela antiga sabedoria popular: Coma como uma rainha (rei), almoce como uma princesa (príncipe) e jante como um mendigo;
  • Troque as frituras por alimentos cozidos ou assados;
  • Retire a gordura aparente das carnes;
  • Evite ao máximo, industrializados.

7 dicas para você não sair da dieta no final de semana

 

3. Diminua a quantidade de sal e tome mais água

O sal nos faz inchar, e também pode trazer complicações para o organismo.

Veja aqui como diminuir o sal das refeições

E beba muita água! 2 litros é uma boa quantidade diária.

 

4. Coma alimentos ricos em fibras

Basicamente, alimentos ricos em fibras irão te ajudar na saciedade, fazendo com que você tenha menos fome e ingira menos alimentos durante as refeições.

Veja alguns alimentos ricos em fibras:

  • Alimentos integrais: Pão integral, macarrão integral, arroz integral;
  • Cereais: Aveia, cevada, granola, germen de trigo, cereais tipo All Bran;
  • Verduras: alface, couve, rúcula, acelga, agrião, aipo, espinafre, brócolis;
  • Legumes: abóbora, cenoura, beterraba, pimentão.

 

5. Fuja da tentação

O começo é sempre mais difícil. Evitar saltar a geladeira, evitar comidas com açúcar, evitar comidas com muito sal, e por ai vai…

A dica que damos é: Não seja escravo da comida! E lembre-se, você possui o controle.

Batalhe contra a tentação por pelo menos dois meses, insista, vença essa luta! Depois você verá que apesar do começo ser difícil, com o tempo você se acostuma, seu corpo se acostuma, e você não sentirá mais a irresistível vontade de comer porcarias.

Fome emocional e compulsão alimentar
Comida gorda – Porque te quero tanto?

 

Essas são regrinhas básicas pra você decorar e utilizar na hora de fazer suas escolhas. É melhor que qualquer dieta.

Você não concorda? Sua opinião é muito importante para nós. Não esqueça de deixar seu comentário!

6 COMENTÁRIOS

  1. Ótimas dicas! Pra mim, a mais difícil tem sido fugir das tentações, hahahaha. Maaaaas, estou tentando! O lance é não desistir e manter o foco né? Adorei o post! Beijão.

  2. Pois é, Carol! Eu acho q é a parte mais dificil do emagrecimento é a alimentação. Mas suaa dicas me motivaram a olhar com maia criterio para esta situacao. Eu preciso mto emagrecer e ja estou me dedicando nos exercicios fisicos…Vamos ver se alcanco o resultado! Beijos

Deixe sua opinião